Guns N’ Roses faz show histórico e leva à loucura 50 mil pessoas em Porto Alegre

Foto: Katarina Benzova
Foto: Katarina Benzova

Após 23 anos Axl, Slash e Duff voltaram a ser colegas de banda. E é claro que Porto Alegre não poderia ficar de fora, com empolgação e sorriso no rosto, os Guns N’ Roses fizeram um show certeiro na noite desta terça-feira (8), em Porto Alegre. Um dos maiores que a capital gaúcha já presenciou, os músicos subiram ao palco por volta das 21h30 e apresentaram diversos clássicos de sua carreira. Sem parar para conversar, a banda tocou 23 músicas em 2h30 de show.

Diferentemente da chamada ‘era beligerante’ da banda ou das outras duas passagens do Guns N’ Roses pela capital (quando houve atrasos exorbitantes de 5hs ou sérios problemas de som), os integrantes mostraram um espetáculo profissional e planejado. Com ‘apenas’ 25 minutos de atraso, eles subiram ao palco do Estádio Beira Rio e a guitarra de Slash iniciou os riffs de “It’s So Easy” levando a galera ao delírio. Após esse início em alta velocidade veio uma sequência de outras 22 músicas que tem se mantido no setlist durante toda a turnê latinoamericana, apenas intercalando as músicas “Don’t Cry” e “Patience”. Quando uma é tocada, a outra fica de fora do set. No último show de Buenos Aires o GN’R tocou “Patience”, e confirmou a expectativa de que em Porto Alegre fosse executada “Don’t Cry”. Entre clássicas como “Rocket Queen”, “You Could Be Mine” e “Civil War” os músicos tocaram músicas menos manjadas como “Coma” e “Double Talkin’ Jive”.

Foto: Katarina Benzova
Foto: Katarina Benzova

No meio do show Duff McKagan manda sozinho os covers de Misfits     e Johnny Thunders, “Attitude” e “You Can’t Put Your Arms Around a   Memory” respectivamente. Além de clássicos históricos do Guns, Axl não deixou de cantar as músicas do disco mais recente, Chinese Democracy, como a música homônima e “Better” com divisão de vocais entre Axl e Duff.

Com um irretocável solo de Slash executando a trilha do filme “O Poderoso Chefão”, sendo seguida por “Sweet Child O’Mine”, um cover instrumental de “Wish You Were Here”, do Pink Floyd, que poderia ser dispensável em favor de outros grandes clássicos da própria banda. Mas apenas para registro. Sem críticas.

Para encerrar esse show memorável, o Guns N’ Roses soltou petardos como “November Rain”, “Knocking On Heaven’s Door”, “Don’t Cry”, um acertadíssimo cover de The Who em “The Seeker” e o apoteótico final com “Paradise City” e sua pirotecnia já característica.

É imbatível a combinação do guitarrista que toca tranquilo e relaxado alguns dos riffs, um baixista que não para nem para tomar água e um vocalista que apesar de grandes baixas na carreira segue agitando correndo e mostrando o porque ele é um dos maiores frontman do rock.

Obviamente, que passado o show, o êxtase da apresentação e o balanço final, faltaram grandes músicas no set, como a própria “Patience” (preterida por “Don’t Cry”)… “Yesterdays”, “Used to Love Her”, “My Michelle”, “Out Ta Get Me” e “14 Years”. Mas com uma banda com mais de 30 anos de carreira, fileira de hits, riffs e de clássicos históricos dentro da linha da vida do rock é compreensível mesmo de que não consigam colocá-las dentro de um mesmo setlist.

Os 47 mil pagantes certamente saíram do Beira Rio satisfeitos com o que viram e o que vimos nas timelines em seguida foram elogios à performance da banda e, principalmente, pelo amadurecimento profissional de Axl, se adequando a horários e protocolos de um show.

Depois de Porto Alegre, o Guns ruma para São Paulo, no Allianz Parque (11 e 12); Rio de Janeiro, no Engenhão (15); Curitiba, na Pedreira Paulo Leminski (17); e Brasília, no Estádio Nacional (20).

Foto: Katarina Benzova
Foto: Katarina Benzova

Veja mais fotos aqui.

Setlist:

It’s So Easy

Mr. Brownstone

Chinese Democracy

Welcome to the Jungle

Double Talkin’ Jive

Better

Estranged

Live and Let Die

Rocket Queen

You Could Be Mine

You Can’t Put Your Arms Around A Memory/Attitude

This I Love

Civil War

Coma

Band intros into Slash solo – Speak Softly Love (Love Theme From The Godfather/Andy Williams)

Sweet Child O’ Mine

Jam (“Wish You Were Here/Layla”)

November Rain

Knockin’ on Heaven’s Door

Nightrain

 

Jam (Babe I’m Gonna Leave You)/Don’t Cry

The Seeker

Paradise City