Guia improvável sobre corpos mutantes encerra turnê em Canoas e Gravataí

O espetáculo de dança para crianças “Guia improvável para corpos mutantes” termina a circulação pelo interior do Estado em Canoas, dia 3 de outubro, e Gravataí, dia 4 de outubro, às 17 horas. Depois de diversas apresentações pelo país e pelo Uruguai, o grupo que apresenta dança contemporânea infantil esteve em dez cidades desde julho, com apresentações gratuitas.

Clique na foto para assistir ao teaser
Clique na foto para assistir ao teaser

O espetáculo é voltado para crianças a partir dos cinco anos, e tem duração de 45 minutos. Os ingressos poderão ser retirados com uma semana de antecedência no Sesc ou uma hora antes no local. Após as apresentações, o grupo promove um bate papo com o público.

A circulação se dá por meio do patrocínio do Grupo Boticário, dentro do programa O Boticário na Dança, pela Lei de Incentivo à Cultura do RS. Uma realização da Canto – Cultura e Arte, em parceria com o SESC-RS.

A coreografia de um coletivo de artistas dirigida por Airton Tomazzoni parte da ideia de manuais e guias com orientações usuais na esfera educacional e artística para jogar com os sentidos e criar um universo imaginário e lúdico. Desta maneira, um grupo de bailarinos coloca em dúvida o corpo, suas partes e sua funcionalidade em cenas que buscam redescobrir as possibilidades desse corpo modificar-se por si só, em seus arranjos e configurações, bem com o uso de artifícios simples (vestimentas, objetos) ou recursos tecnológicos cada vez mais usuais como os tablets.

Amontagem também investiu no jogo com referências em escolas artísticas como o cubismo e a Bauhaus, permitindo redimensionar as regras de funcionalidade do corpo e do seu uso. Nasceram daí cenas poéticas como *Valsa para um rosto multifacetado*. A trilha sonora especialmente criada por Gustavo Finkler, do Grupo Cuidado que Mancha, buscou também brincar com as mutações sonoras de estilos e gêneros num mosaico animado e sensível.

O projeto é uma forte referência na produção de dança para o público infanto-juvenil em Porto Alegre por meio de uma pesquisa de linguagem que teve início em 2010 com a  criação do espetáculo *Faz de conta*, dirigido por Tomazzoni para o Grupo Experimental de Dança de Porto Alegre. A partir dessa montagem, um núcleo de artistas passou a investir na investigação do universo infantil.

mg_9061

Contemplado com uma bolsa de pesquisa do Rumos Itaú Cultural, o *Guia* teve sua pré-estreia na Mostra Rumos Dança Itaú Cultural, em 2013, com a montagem ainda em processo, apresentando o resultado da pesquisa. No mesmo ano, com a versão finalizada, o espetáculo teve sua estreia em São Paulo, amparado pelo Prêmio Klauss Vianna da Funarte.

O espetáculo já foi apresentado em Porto Alegre, Canoas e Novo Hamburgo/RS; São Carlos, Santos, Sorocaba e São Paulo/SP; Ipatinga e Belo Horizonte/MG e Garanhuns/PE, e recentemente, em algumas cidades do Uruguai.

 

03/10 – Canoas – 17h

Local: *Complexo Cultural e Esportivo Nelson Mandela (Praça da Juventude-Guajuviras)Retirada de ingressos – Sesc (Rua Matias Velho 255)

04/10 – Gravataí – 17h

Local:* Teatro do Sesc (Rua Anápio Gomes, 1241)

 

Por: Lucia Bandeira