Espetáculo Tribos tem apresentações em Porto Alegre nos dias 30 e 31 de maio

Chega a Porto Alegre nos dias 30 e 31 de maio, com três apresentações no Theatro São Pedro, o espetáculo *Tribos*, com direção de Ulysses Cruz e Antonio e Bruno Fagundes no elenco, ao lado dos atores Arieta Correa, Eliete Cigaarini, Guilherme Magon e Maíra Dvorek.

Foto: João Caldas
Foto: João Caldas

A montagem é a segunda produção que traz pai e filho juntos em cena. Sucesso no Royal Court Theater, em Londres, e vencedor do New York Drama Critics, o texto de Nina Raine tem tradução de Rachel Ripani. O espetáculo, que estreou em 2013 em São Paulo, usa a figura de um deficiente auditivo para questionar os diversos tipos de limitação do ser humano e, de uma maneira perversamente divertida e politicamente incorreta, revive as típicas questões familiares e reforça as dificuldades de convivência – como em toda tribo.

Tribos aborda a surdez universal e divide o tema em duas categorias:

1) Daqueles que não conseguem ‘calar-se’ por tempo suficiente para entender uma realidade diferente de sua própria.

2) Dos surdos que são fisicamente incapazes de receber estímulos sonoros; “Somos só mais um na multidão”; “O mundo é surdo”, diz Billy, o protagonista. Existe surdez maior que o preconceito; que o orgulho; que a ignorância; o egoísmo; a falta de amor?

Billy (Bruno Fagundes) nasceu surdo em uma família de ouvintes, liderada

pelo pai Christopher (Antonio Fagundes) e pela mãe Beth (Eliete Cigaarini), e completada pelos irmãos Daniel (Guilherme Magon) e Ruth (Maíra Dvorek). Ele foi criado dentro de um casulo ferozmente idiossincrático e politicamente incorreto. Adaptou-se brilhantemente às maneiras não convencionais de sua família, mas eles nunca se deram o trabalho de retribuir o favor. Finalmente, quando ele conhece Sylvia (Arieta Correa), uma jovem mulher prestes a ficar surda, Billy passa a entender realmente o que significa pertencer a algum lugar.

Na equipe, André Abujamra assina a trilha sonora e os figurinos são criação de Alexandre Herchcovitch. *Tribos* já foi assistida por mais de 200.000 espectadores e foi produzida sem patrocínios de lei de incentivo, sobrevivendo única e exclusivamente da renda da bilheteria.

Os ingressos para as apresentações no São Pedro já estão à venda na bilheteria do teatro, com valores entre R$ 40,00 e R$ 150,00 e desconto de 50% para cliente Porto Seguro e acompanhante.

No sábado, as sessões ocorrem às 18h e 21h, com intérprete de libras para acessibilidade na apresentação das 21h. No domingo, o espetáculo inicia às 17h. Após cada sessão, o elenco participa de um bate papo com o público.

 

Por: Bruna Paulin